O melhor jogador do mundo é eleito anualmente pelo prêmio Bola de Ouro, entregue pela revista francesa France Football. A premiação acontece desde 1956, mas antigamente só era entregue aos jogadores europeus. A partir dos anos 90, qualquer jogador pode ser eleito. O próximo prêmio será a Bola de Ouro 2018.

Entre os anos de 2010 e 2015, a France Football entregou o prêmio em conjunto com a FIFA, porém em 2016 as premiações voltaram a ser separadas. Desde 2008, a Bola de Ouro só conhece dois vencedores: Lionel Messi e Cristiano Ronaldo. Os dois são os recordistas do prêmio, com 5 cada um.

A votação é realizada por 173 jornalistas de todo o mundo. Cada um escolhe três jogadores por ordem de preferência, atribuindo cinco pontos ao primeiro, três ao segundo e um ao terceiro.

Como em 2017, a revista deve divulgar uma lista com 30 candidatos no mês de outubro. O prêmio foi entregue em dezembro, em Paris. Cristiano Ronaldo recebeu a Bola de Ouro na Torre Eiffel. Messi ficou em segundo e Neymar em terceiro. Em 2018, a France Football deve fazer o mesmo, divulgar uma lista com 30 candidatos e logo anunciar o vencer em dezembro.

Todos os vencedores da Bola de Ouro

  • 2017 – Cristiano Ronaldo (Real Madrid/Portugal)
  • 2016 – Cristiano Ronaldo (Real Madrid/Portugal)
  • 2015 – Lionel Messi (Barcelona/Argentina)*
  • 2014 – Cristiano Ronaldo (Real Madrid/Portugal)*
  • 2013 – Cristiano Ronaldo (Real Madrid/Portugal)*
  • 2012 – Lionel Messi (Barcelona/Argentina)*
  • 2011 – Lionel Messi (Barcelona/Argentina)*
  • 2010 – Lionel Messi (Barcelona /Argentina)*
  • 2009 – Lionel Messi (Barcelona/Argentina)
  • 2008 – Cristiano Ronaldo (Manchester United/Portugal)
  • 2007 – Kaká (Milan/Brasil)
  • 2006 – Fabio Cannavaro (Juventus/Itália)
  • 2005 – Ronaldinho (Barcelona/Brasil)
  • 2004 – Andriy Shevchenko (Milan/Ucrânia)
  • 2003 – Pavel Nedved (Juventus/Rep. Checa)
  • 2002 – Ronaldo Nazário (Inter de Milão/Brasil)
  • 2001 – Michael Owen (Liverpool/Inglaterra)
  • 2000 – Luís Figo (Real Madrid/Portugal)
  • 1999 – Rivaldo (Barcelona/Brasil)
  • 1998 – Zinedine Zidane (Juventus/França)
  • 1997 – Ronaldo Nazário (Inter de Milão/Brasil)
  • 1996 – Mattias Sämmer (Borussia Dortmund/Alemanha)
  • 1995 – George Weah (Milan/Libéria)
  • 1994 – Hristo Stoichkov (Barcelona/Bulgária)
  • 1993 – Roberto Baggio (Juventus/Itália)
  • 1992 – Marco Van Basten (Milan/Holanda)
  • 1991 – Jean-Pierre Papin (Marselha/França)
  • 1990 – Lothar Matthäus (Inter de Milão/Alemanha)
  • 1989 – Marco Van Basten (Milan/Holanda)
  • 1988 – Marco Van Basten (Milan/Holanda)
  • 1987 – Ruud Gullit (Milan/Holanda)
  • 1986 – Igor Belanov (Dínamo Kiev/URSS)
  • 1985 – Michel Platini (Juventus/França)
  • 1984 – Michel Platini (Juventus/França)
  • 1983 – Michel Platini (Juventus/França)
  • 1982 – Paolo Rossi (Juventus/Itália)
  • 1981 – Karl-Heinz Rummenigge (Bayern Munique/Alemanha)
  • 1980 – Karl-Heinz Rummenigge (Bayern Munique/Alemanha)
  • 1979 – Kevin Keegan (Hamburgo/Inglaterra)
  • 1978 – Kevin Keegan (Hamburgo/Inglaterra)
  • 1977 – Allan Simonsen (B. Moenchengladbach/Dinamarca)
  • 1976 – Franz Beckenbauer (Bayern Munique/Alemanha)
  • 1975 – Oleg Blockhine (Dínamo Kiev/URSS)
  • 1974 – Johann Cruijff (Barcelona/Holanda)
  • 1973 – Johann Cruijff (Barcelona/Holanda)
  • 1972 – Franz Beckenbauer (Bayern Munique/Alemanha)
  • 1971 – Johann Cruijff (Ajax/Holanda)
  • 1970 – Gerd Müller (Bayern Munique/Alemanha)
  • 1969 – Gianni Rivera (Milan/Itália)
  • 1968 – George Best (Manchester United/Inglaterra)
  • 1967 – Florian Albert (Ferencváros/Hungria)
  • 1966 – Bobby Charlton (Manchester United/Inglaterra)
  • 1965 – Eusébio (Benfica/Portugal)
  • 1964 – Dennis Law (Manchester United/Escócia)
  • 1963 – Lev Iashin (D. Moscovo/URSS)
  • 1962 – Josef Masopust (Dukla Praga/Checoslováquia)
  • 1961 – Omar Sivori (Itália/Juventus)
  • 1960 – Luis Suárez (Barcelona/Espanha)
  • 1959 – Alfredo Di Stéfano (Real Madrid/Espanha)
  • 1958 – Raymond Kopa (Real Madrid/França)
  • 1957 – Alfredo Di Stéfano (Real Madrid/Espanha)
  • 1956 – Stanley Matthews (Blackpool/Inglaterra)

*Prêmio entregue em conjunta com a FIFA

COMPARTIR
Jornalista, gaúcha e apaixonada por futebol espanhol. Em Madrid desde 2011, edita o Efeito Fúria especialmente para os loucos por futebol espanhol que querem acompanhar tudo que acontece na Espanha.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Escreva seu comentário
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.