O Atlético de Madrid jogou a segunda partida do Campeonato Espanhol, a segunda fora de casa. Ainda vai disputar mais uma rodada longe do Wanda Metropolitano. No primeiro jogo da temporada, um empate com o Girona. No segundo? Uma vitória com destaques para todos os lados.

Sem Griezmann, suspenso pela expulsão na primeira rodada da La Liga, Simeone foi para o jogo com Correa e Vietto. O técnico fez cinco alterações no time que estrou na competição. Mas Simeone e suas decisões não foram o melhor do jogo. Primeiro é preciso destacar a participação de Correa, que abriu o placar. O argentino marcou, assim, nas duas partidas até aqui.

Koke marcou dois golaços

O segundo gol do Atlético veio dos pés de Yannick Carrasco, mas o destaque foram os seguintes gols. Koke fez dois golaços, pela primeira vez na sua carreira marcou um doblete, e deu a tranquilidade ao Atleti.

O Las Palmas havia descontado com Calleri, aquele do São Paulo. Foi o terceiro gol sofrido pelo Atleti no Espanhol, o terceiro de cabeça. Oblak defendeu um pênalti nos minutos finais e Thomas fez o quinto. O Atlético de Madrid venceu por 5×1.

O Atleti de Simeone chega a sua primeira vitória no Campeonato Espanhol. Chegou aos 4 pontos e mostrou um bom futebol, diferente da estreia. Sem poder inscrever novos jogadores até janeiro, o Atlético terá como missão até dezembro: sobreviver na Champions e perder a menor quantidade de pontos possíveis no Espanhol. De momento, vai por bom caminho.

COMPARTIR
Jornalista, gaúcha e apaixonada por futebol espanhol. Em Madrid desde 2011, edita o Efeito Fúria especialmente para os loucos por futebol espanhol que querem acompanhar tudo que acontece na Espanha.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Escreva seu comentário
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.