O Atlético de Madrid jogou a segunda partida do Campeonato Espanhol, a segunda fora de casa. Ainda vai disputar mais uma rodada longe do Wanda Metropolitano. No primeiro jogo da temporada, um empate com o Girona. No segundo? Uma vitória com destaques para todos os lados.

Sem Griezmann, suspenso pela expulsão na primeira rodada da La Liga, Simeone foi para o jogo com Correa e Vietto. O técnico fez cinco alterações no time que estrou na competição. Mas Simeone e suas decisões não foram o melhor do jogo. Primeiro é preciso destacar a participação de Correa, que abriu o placar. O argentino marcou, assim, nas duas partidas até aqui.

Koke marcou dois golaços

O segundo gol do Atlético veio dos pés de Yannick Carrasco, mas o destaque foram os seguintes gols. Koke fez dois golaços, pela primeira vez na sua carreira marcou um doblete, e deu a tranquilidade ao Atleti.

O Las Palmas havia descontado com Calleri, aquele do São Paulo. Foi o terceiro gol sofrido pelo Atleti no Espanhol, o terceiro de cabeça. Oblak defendeu um pênalti nos minutos finais e Thomas fez o quinto. O Atlético de Madrid venceu por 5×1.

O Atleti de Simeone chega a sua primeira vitória no Campeonato Espanhol. Chegou aos 4 pontos e mostrou um bom futebol, diferente da estreia. Sem poder inscrever novos jogadores até janeiro, o Atlético terá como missão até dezembro: sobreviver na Champions e perder a menor quantidade de pontos possíveis no Espanhol. De momento, vai por bom caminho.

COMPARTIR
Jornalista, gaúcha e apaixonada por futebol espanhol. Em Madrid desde 2011, edita o Efeito Fúria especialmente para os loucos por futebol espanhol que querem acompanhar tudo que acontece na Espanha.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Escreva seu comentário
Please enter your name here