Na última rodada do Campeonato Espanhol, o Atlético de Madrid perdeu para o Barcelona jogando com 9. Apesar da bela partida do time de Simeone, os pontos não vieram no Camp Nou e nesta rodada o Atlético estava praticamente obrigado a vencer. O adversário, um dos times surpresa desta Liga, o Eibar.

O Atlético de Madrid entrou em campo com uma defesa totalmente improvisada. Sem Juanfran, que levou o quinto amarelo; Godín e Filipe Luis que foram expulsos no Camp Nou; e Savic lesionado, Simeoene foi para o jogo com Gámez, Giménez, Suál e Lucas Hernández. Sem Saúl, um dos destaques do meio deste Atlético, Koke e Carrasco precisaram assumir a criação ofensiva do time. O primeiro tempo foi feio, o Eibar teve as melhores chances e o Atlético dominou, mas ninguém marcou.

Zagueiros marcam de cabeça para o Atlético de Madrid
as.com

Se praticamente dormimos nos primeiros 45 minutos, os 45 restantes foram bem diferentes. A segunda parte começou com gol do Eibar. Keko, ex-Atlético, abriu o placar para os visitantes e colocou o Atlético na obrigação de atacar. O time de Simeone não duvidou e foi para o ataque. Pressionou e pressionou até que, em um dos tantos escanteios que conseguiu, Giménez empatou a partida. Koke bateu o escanteio bem fechado e o zagueiro igualou o placar. O Atlético queria a vitória e seguiu pressionando. Koke, novamente, foi o responsável por bater outro escanteio e encontrar a cabeça de Saúl. Virada e outro gol de zagueiro, de cabeça e com assistência de Koke.

Fernando Torres chega aos 100 gols com o Atlético de Madrid
as.com

Os últimos minutos do Atlético foram com Oliver Torres e Fernando Torres em campo. Ambos, que não são jogadores da preferencia do treinador, mostraram que desejam um espaço no time e que ainda podem ser aproveitados por Simeone. para fechar o jogo com chave de ouro, Fernando Torres ampliou o placar e chegou aos 100 gols com a camisa do Atlético de Madrid. O time superou os problemas na defesa, venceu e “recuperou” a dois jogadores que podem ser importantes para o que resta de temporada.

Os 3×1 no placar mantém o Atlético de Madrid na briga pelo Campeonato Espanhol, apesar da ampla vantagem do Barcelona. O Barça com 2 jogos a menos, é líder com 51 pontos. O Atlético é segundo, também com 51, e o Real Madrid segue em terceiro. O Eibar é oitavo, neste momento, e soma 33 pontos. Nada mal para um clube pequeno, que só há dois anos joga a primeira divisão.

COMPARTIR
Jornalista, gaúcha e apaixonada por futebol espanhol. Em Madrid desde 2011, edita o Efeito Fúria especialmente para os loucos por futebol espanhol que querem acompanhar tudo que acontece na Espanha.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Escreva seu comentário
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.