Sempre que um jogador brasileiro desembarca na Europa começam as comparações com os ex-jogadores também brasileiros que já passaram pelo clube. Neste início de 2015 a novidade do Real Madrid é o volante brasileiro Lucas Silva. Lucas, de 21 anos, é o 23º brasileiro a vestir a camisa do Real Madrid. Se contarmos William José, que ficou uma temporada emprestado no time B do Real Madrid e chegou a debutar com o time principal, serão 24. Mas como ele não chegou a ser contratado pelo Real Madrid, contamos 23. Mas quem foram os outros? O Efeito Fúria lista todos eles pra vocês!

 

Brasileiros que vestiram a camisa do Real Madrid

 

Fernando Giudicelli

Fernando-Giudicelli
Foi o primeiro brasileiro a vestir a camisa do Real Madrid e só jogou uma partida com o time blanco, em 1935 pelo Campeonato Espanhol. Fernando defendeu a seleção brasileira na Copa de 1930.

 

Didí

Didi
Entre 1959 e 1960 Didí, o Waldir Pereira, o inventor da “folha seca” passou pelo Real Madrid. Com a camisa blanca Didí jogou 19 vezes e teve a companhia de ilustres como Puskás e Alfredo Di Stéfano. Didí foi o primeiro jogador negro do Real Madrid. Didí esteve na seleção brasileira campeã de Copa do Mundo de 1958.

 

Darcy Silveira dos Santos, o Canário

canario
Chegou a Espanha em 1959, junto com Didí, ambos contratados após a atuação na Copa de 58 com a seleção brasileira. Ficou no Real Madrid de 59 a 62. Depois passou pelo Sevilla, Zarago e terminou sua carreira no Real Mallorca.

 

Evaristo de Macedo

evaristo-marcedo
O brasileiro desembarcou na Espanha em 1957. Desde que chegou até o ano de 1962, Evaristo defendeu as cores do Barcelona. Em 62 deixou o Barcelona e foi para o Real Madrid. Ficou no clube blanco até 1965.

 

Ricardo Rocha

ricardo-rocha
Antes de conquistar a Copa do Mundo de 1994, Ricardo Rocha passou pelo Real Madrid. O jogador esteve no clube de 1991 a 1993, fez 67 jogos e não marcou nenhum gol.

 

Vítor

vitor
Claudemir Vítor Marques foi lateral do Real Madrid na temporada 1993/94. Vindo do São Paulo, só durou uma temporada, logo deixou o clube e voltou para o Brasil e foi jogar no Cruzeiro.

Roberto Carlos

 

roberto-carlos
O brasileiro com mais trajetória no Real Madrid. Roberto Carlos é o brasileiro e o jogador estrangeiro com mais partida pelo time blanco, 527 jogos. O lateral chegou ao Real em 1996 e ficou até 2007. Além dos 527 jogos, Roberto Carlos tem 71 gols com a camisa merengue.

 

César Prates

cesar-prates
O jogador teve uma passagem relâmpago pelo Real Madrid entre 1996 e 1997, onde atuou pelo Real Madrid B e não chegou a jogar com o time principal.

 

Zé Roberto

ze-roberto
O volante deixou a Portuguesa em 1997 e ficou no Real Madrid de 1997 e 1998. No time merengue esteve em campo 24 vezes e não marcou nenhum gol.

 

Sávio

savio
O jogador sai do Flamengo em 1997 e aterrizou em Madrid. Ficou no Real de 1998 a 2003. Jogou 105 vezes e marcou 16 gols.

 

Rodrigo Fabri

rodrigo-fabri
Sim, o Rodrigo Fabri foi jogador do Real Madrid de 1998 a 2003, mas só foi emprestado a outros times. Mesmo estando tanto tempo com contrato com o Real, Rodrigo só jogou 5 vezes com a camisa merengue.

 

Júlio César

julio-cesar
Não, não é o goleiro. Júlio César Santos Correa, brasileiro naturalizado italiano, jogou pelo Real Madrid entre 1999 e 2000. Jogou 21 vezes e não marcou nenhum gol.

Flávio Conceição

 

flavio-conceicao
O brasileiro chegou a Espanha em 1996, onde defendeu o Deportivo La Coruña até 2000. Neste ano foi contratado pelo Real Madrid onde ficou até 2004. Em quatro anos foram 45 jogos e apenas 1 gol marcado.

 

Ronaldo

ronaldo
O Fenômeno foi o segundo caso de um brasileiro que atuou pelos dois grande da Espanha. Ronaldo jogou pelo Barcelona de 1996 a 1997, mas não seria no clube culé que faria sua melhor passagem pela Espanha. Saiu do Barça foi para o Inter de Milão e em 2002 chegou ao Real Madrid, onde permaneceu até 2007. Jogou 177 vezes e marcou 104. Foi um verdadeiro fenômeno com a camisa do Real Madrid.

 

Julio Baptista

julio-baptista
Depois de defender o Sevilla, Julio desembarcou no Real Madrid onde atou de 2005 a 2008, sendo que foi emprestado ao Arsenal por um ano. No Real Julio jogou mais de 78 vezes e marcou 13 gols.

 

Robinho

robinho
Depois de brilhar no Santos, Robinho se incorporou ao Real Madrid dos “Galáticos” e permaneceu no clube de 2005 a 2008. Com a camisa blanca fez 135 jogos e marcou 35 vezes.

 

Cicinho

cicinho
Foi contratado pelo Real Madrid em 2005 e ficou no clube até 2007.

 

Emerson

emerson
O volante saiu do Grêmio, jogou na Alemanha e Itália e de 2006 a 2007 defendeu as cores do Real Madrid. Jogou 34 vezes e marcou 1 gol.

 

Marcelo

marcelo
É o segundo brasileiro com mais jogos pelo Real Madrid, só perde para o outro lateral esquerdo que fez história no clube, Roberto Carlos. Marcelo só tem dois clube em sua carreira: o Fluminense e o Real Madrid. Desde 2007 está no clube blanco e, tudo indica, que ficará por mais algum tempo.

 

Pepe

pepe
Como Pepe é luso-brasileiros e atua pela seleção do Portugal, muitos esquecem dele na hora de contar os brasileiros que passaram pelo Real Madrid. Mas ele conta. Pepe chegou ao clube blanco em 2007, junto com Marcelo, e é uma das peças fundamentais na zaga do time.

 

Kaká

kaka
Uma das mais frustrantes contratações do Real Madrid. Kaká chegou ao clube blanco como uma das maiores contratações da história do clube. Ficou em Madrid de 2009 a 2013. Jogou 120 vezes e marcou 29 gols. Não deu o que se esperava dele e foi vendido em 2013.

 

Casemiro

casemiro
O volante chegou emprestado ao Real Madrid Castilla em 2013. O Real madrid gostou dele e o contratou definitivamente. Atualmente está emprestado ao Porto.

 

Lucas Silva

lucas-silva
O goiano foi contratado agora em 2015 e é o mais novo brasileiro na lista dos conterrâneos que já vestiram a camisa merengue.

 

COMPARTIR
Jornalista, gaúcha e apaixonada por futebol espanhol. Em Madrid desde 2011, edita o Efeito Fúria especialmente para os loucos por futebol espanhol que querem acompanhar tudo que acontece na Espanha.

4 Comentários

  1. Respeito muito o Real Madrid que já foi o principal clube do Mundo nos anos 60. Lembro ainda de um amistoso que eles jogaram no Maracanã em 1961 contra o Vasco. Com público em torno de 100.000 pessoas eles botaram 2 x 0 no 1o tempo, sendo o 1o gol de Canário, um carioca que era do América-RJ e fôra para Espanha em 1959 e até hoje vive na Espanha. No 2o tempo eles abriram o bico devido ao calor intenso, o Vasco se aproveitou e conseguiu o empate 2 x 2. Foi a última e, talvez, a única vez que o Real Madrid jogou no Brasil. O ataque do Real Madrid era Canário, Del Sol, Di Stefano, Puskas e Gento.

  2. Torço pelo Real há muitos anos. Sou rubro-negro FLA aqui no Brasil, mas, tenho muito apreço pelo Real, sou merengue e flamenguista com orgulho, nos dias atuais todo mundo é barça por causa do Neymar, eu não. Teve um tempo que até baixei o hino do Real, o maior da Espanha há anos,

DEIXE UM COMENTÁRIO

Escreva seu comentário
Please enter your name here