No verão deste ano fomos assistir um jogo no Mestalla, Valencia x Milan. O jogo foi morno, o Valencia até perdeu, mas valeu a pena. Ainda não conhecia o estádio e foi interessante ver de perto os motivos que levaram a direção do clube a propor um novo campo.

Estádio Mestalla do Valencia Espanha

Estádio do Valencia em 2013 Mestalla

 

O atual Mestalla está bastante deteriorado. Apesar de ser um campo grande e relativamente bonito, o estádio está velho e mal conservado.

Estádio do Valencia

Estádio do Valencia, o Mestalla

Torcida do Valencia no Mestalla

 

Não sei se a opção de construir um novo estádio foi a melhor, mas enfim, é como será. Apesar da obra do Novo Mestalla estar parada desde 2009, o estádio parece que vai ficar bonito. Passei por lá.

O problema é que o Valencia está quebrado e não tem dinheiro para levar adiante a obra. Por isso, a direção do clube apresentou uma versão low-cost, ou seja, mais barata para que a construção termine e o Valencia possa trocar de estádio.

Obras do Novo Mestalla estão paradas

Sem dia e hora para que a obra continue, o arquiteto Mark Fenwick, responsável pelo prometo, apresentou as ‘melhorias’ para que ela comete o quanta antes. O ‘novo’ Novo Mestalla não será tão grande como o primeiro projeto. Até agora o clube já investiu 98 milhões de euros na obra, o orçamento proposto na época foi de 160 milhões. Porém, foram recortados 60 milhões da primeira proposta e o estádio poderá custar, no máximo, 200 milhões. Para finalizar o projeto, o Novo Mestalla contará com 61.500 mil lugares – e não os 75 mil anteriores – terá estacionamento subterrâneo e estrutura metálica (fachada e cobertura).

Esperamos que o novo estádio do Valencia saia do papel o quanti antes. Acompanharemos!

COMPARTIR
Jornalista, gaúcha e apaixonada por futebol espanhol. Em Madrid desde 2011, edita o Efeito Fúria especialmente para os loucos por futebol espanhol que querem acompanhar tudo que acontece na Espanha.