A temporada, como Simeone mesmo já afirmou em mais de uma entrevista, começou irregular para o Atlético de Madrid. Mas pelo que estamos vendo, o time do Cholo chega ao principal momento da temporada muito melhor do que começou.

Neste domingo, o Atlético de Madrid derrotou o Sevilla de Jorge Sampaoli. O time de Simeone venceu a equipe do seu conterrâneo por 3×1 no estádio Vicente Calderón e conseguiu, assim, diminuir a vantagem para esta. O Sevilla segue sendo o terceiro colocado do Campeonato Espanhol, mas após a vitória a diferença, que há algumas rodadas chegou a ser de 7 pontos, agora é de apenas 2.

Os gols de Diego Godín, Antoine Griezmann e Koke deram ao Atleti a primeira vitória da equipe jogando contra um dos seis primeiros da tabela de classificação. Até então, o Atlético só havia somado 2 dos 21 pontos disputado contra rivais diretos pela luta pelo título ou por uma vaga na próxima Champions. Os rojiblancos só haviam pontuado em dois empates, com Barcelona e Athletic de Bilbao, nos demais jogos, o só derrotas: Real Madrid, Sevilla, Villarreal, Real Sociedad e Barcelona.

Godín chegou aos 14 gols de cabeça na La Liga, só Sergio Ramos com 32 o ultrapassa como zagueiro com mais gols de cabeça no Espanhol no século XXI. Griezmann chegou aos 22 gols na temporada, 14 na La Liga. É sua temporada com mais assistências no Espanhol, 7 no total. Koke marcou seu 5º gol ao Sevilla, é o clube que mais sofreu gols do meia que tem 23 desde que estreou na La Liga.

Com as três vitórias nas últimas três partida o Atlético conseguiu recuperar pontos e o bom futebol para o momento mais importante da temporada, quando se decidem tanto o Espanhol como a Champions. Já o Sevilla, que vinha de fazer grandes partidas caiu de produção justo neste momento, foi eliminado da Champions e 2 empates e 1 derrota nas últimas três rodadas do Espanhol. O time de Sampaoli ainda tem 2 pontos de vantagem sobre o Atlético e se mantém na terceira colocação da La Liga (posição que dá vaga direta a próxima Champions), mas o Atlético de Simeone está disposto a terminar, pela quarta temporada consecutiva, entre os três primeiros do Espanhol.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA