O Atlético de Madrid foi o único dos clubes que estavam nas primeiras posições que venceu nesta sétima rodada do Campeonato Espanhol. O time comandado por Diego Simeone soube se impôr ao Valencia e derrotou os ches no Mestalla por 2×0. A partida teve um protagonista e um coadjuvante de luxo.

O grande herói do jogo, apesar do resultado adverso para os donos da casa, foi o goleiro brasileiro Diego Alves. Ele, que na última rodada já havia batido o recorde de pênaltis defendidos no Campeonato Espanhol, se reafirmou como o maior especialista em defender pênaltis da história da La Liga. Aos 44 minutos de partida, Diego defendeu o pênalti cobrado por Griezmann. O francês, que perdeu seu 4º dos 6 pênaltis que cobrou com a camisa do Atlético, tinha tudo para ser crucificado, mas deu a volta por cima.

Antes dos 20 minutos do segundo tempo, após toque de Gameiro, Griezmann deixou o seu e chegou aos 6 gols neste Espanhol. Cinco minutos depois, mais um pênalti para o Atlético de Madrid e mais uma defesa de Diego Alves. Desta vez quem cobrou foi Gabi, e Alves defendeu mais uma vez. Chegou aos 19 pênaltis defendidos, dos 41 batidos, e impediu que o Atlético ampliasse a vitória. Mas mesmo com Alves, o Valencia não conseguiu segurar o Atlético que, no finalzinho, fiz mais um com Gameiro e fechou o placar.

A vitória do Atlético por 2×0 contra o Valencia, o empate do Real Madrid com o Eibar e a derrota do Barcelona frente ao celta de Vigo, colocaram o Atlético de Madrid na liderança do Espanhol. O time de Simeone tem 15 pontos, os menos do Real só que com saldo menor. O Sevilla ocupa a terceira colocação, com 14 ponto; e o Barcelona é o quarto, com 13 pontos, mesmo número de pontos que o Villarreal, quinto.

Com o gol marcado, Antoine Griezmann assume a artilharia do Campeonato Espanhol 2016/17, com 6 gols. Luis Suárez, com 5 tentos, é o segundo que mais marcou nesta Liga. Com 4 gols estão empatados: Aduriz (do Athletic de Bilbao), Rubén Castro (do Betis) e Messi (do Barcelona).

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA