O futebol feminino na Espanha não é tão profissional como poderia ser. Apesar de todas as dificuldades, o esporte tem crescido entre as meninas e cada vez mais jogadoras espanholas conseguem um espaço nos grandes clubes e nas grandes ligas.

Primeira Divisão do Futebol Feminino

Assim como as competições masculinas e de futsal, o futebol feminino por aqui também está sob às ordens da Real Federação Espanhola de Futebol. A principal competição de futebol feminino na Espanha é a Primeira Divisão do Futebol Feminino, organizada pela RFEF. O campeonato nacional começou a ser disputado em 1988, passou por diferentes formatos e sofreu variações até chegar à competição de tem atualmente.

Hoje, a Primeiro Divisão Feminina na Espanha conta com 16 clubes e é disputado no formato de pontos corridos. São 30 rodadas, de todos contra todos em jogos de ida e volta. Quem somar mais pontos será o campeão. Os principais clubes de futebol feminino na Espanha atualmente são: Barcelona, Atlético de Madrid Feminas, Athletic Club de Bilbao, Valencia, Levante e Rayo Vallecano. O Real Madrid não possui um time feminino.

Os clubes com títulos de campeão nacional na categoria são:

  • Levante UD, com 4 títulos – 1997, 2001, 2002, 2008
  • Athletic Club, com 4 títulos – 2003, 2004, 2005, 2007
  • FC Barcelona, com 4 títulos – 2012, 2013, 2014, 2015
  • Añorga KKE, com 3 títulos – 1992, 1995, 1996
  • Oroquieta Villaverde, com 3 títulos – 1993, 1994, 1999
  • Rayo Vallecano, com 3 títulos – 2009, 2010 y 2011
  • RCD Espanyol, com 1 título – 2006
  • Atlético Madrid Féminas, com 1 título – 1990
  • Irex Puebla, com 1 título – 2000
  • Peña Barcelonista Barcilona, com 1 título – 1989
  • Oiartzun KE, com 1 título – 1991
  • Club Atlético Málaga, com 1 título – 1998

Segunda Divisão Feminina

A Segunda Divisão Feminina foi criada só em 2001. Esta divisão funciona por grupos, são 7 grupos nos quais os clube de uma mesma região ou de regiões próprias se enfrentam em uma liga. Os campeões de cada grupo e o segundo melhor se enfrentam, ao finalizar a primeira fase, por duas vagas na primeira divisão. Os dois piores clubes da primeira divisão são rebaixados automaticamente e os três últimos da segundona caem para as categorias regionais, não há uma terceira divisão nacional.

Os grupos da Segunda Divisão Feminina na Espanha são compostos por 14 times divididos por regiões segundo as regras da competição que são:

  • Grupo I: times das região de Galicia (9), Asturias (3) e Castilla y León (2)
  • Grupo II: País Vasco (9), Navarra (3), Cantabria (1) e La Rioja (1)
  • Grupo III: Cataluña (12), Aragón (1) e Islas Baleares (1)
  • Grupo IV: Andalucía (9), Extremadura (4) e Ceuta (1)
  • Grupo V: Comunidad de Madrid, Castilla y León, Castilla-La Mancha
  • Grupo VI: Gran Canaria (14)
  • Grupo IV: Comunidad Valenciana (9), Castilla-La Mancha (1) e Murcia (4)

Copa da Rainha de Futebol

A outra competição do futebol feminino na Espanha é a Copa de la Reina de Fútbol (Copa da Rainha). Esta competição começou em 1983 é a mais antiga di futebol feminino na Espanha. Assim como a Liga Nacional, esta competição também já teve vários formatos, mas de 2012 segue uma mesma regra.

Os primeiro quatro clubes na tabela de classificação da Primeira Divisão Feminina se enfrentam pelo título de campeão da Copa da Rainha. Se trata de um torneio de eliminatórias diretas, em jogo único em terreno neutro. Os maiores campeões são o Levante e o Espanyol, cada um com seis títulos cada.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA